sexta-feira, 22 de janeiro de 2010

O porquinho toleirão

Nestes últimos dias continuamos a fazer experiências com água.
Desta vez respondemos à questão que a seguinte história nos colocou.
Será que a maça flutuou ou afundou?
Obrigada á professora Sara Ascenção que nos deu esta história.

Para a mesa vieram muitos objectos de diferentes tamanhos, formas e materiais.

Fomos tentando prever se os objectos flutuariam ou afundariam.
Conforme as respostas, colaram-se no registo as imagens correspondentes aos objectos ora no fundo da bacia, ora à superficie ,na zona que ficariam a flutuar.
Depois fomos experimentar...
Levantaram-se questões durante a experiência:
Porque será que afundou?
É pesado, é grande...
Porque afundou?
É uma bola, é leve, é pequeno...
Depois verificou-se que muitos objectos pequenos afundavam, alguns dos leves afundavam...outros maiores e mais pesados flutuavam.
Alguns com a mesma forma flutuavam e outros afundavam (bolas).
A flutuação na água depende dos objectos em causa, não do peso, nem do tamanho!
No final registamos novamente, mas já sabendo as respostas correctas.
Cada um fez o seu registo recortando e colando no sitio correcto as imagens.
Quando surgiam duvidas era só ir espreitar ao tanque de novo...foi um corridinho :), não tanto pelas duvidas, mas pelo prazer... é que adoramos o tanque e mexer na água então nem se fala!
Deu bastante trabalhinho... mas ficamos felizes por fazer tudo certo e terminar a tarefa!


Desafio...
Hoje pedi-lhes que separassem os mesmos objectos segundo o seu comportamento na água...flutua e não flutua.
Foi muito fácil e fizeram rápido.
Depois peguei na plasticina e perguntei se seria possivel que ela flutuasse?
Nãooooo, afunda sempre.
Vou fazer um barquinho...querem fazer um também?
Simmmmm.
Será que flutua?
Nãoooo.

Então vamos já ver...
Pois é, um objecto que não flutua pode ser moldado e passar a flutuar! Espantoso!
Um objecto flutua quando não vai ao fundo. Alguns eram submarinos!

Sistematizar um pouco mais o que já aprendemos....

Sabemos que a maça flutua e que a cenoura e a batata afundam.
Se  partirmos em bocadinhos muito pequeninos a batata e a cenoura será que flutuam?
Simmmmm
Vamos verificar.

Vários pedaços cortados em tamanhos diferentes, a maça flutuou sempre...
A batata e a cenoura afundaram sempre...mesmo os pedacinhos mais pequeninos!
A flutuação não dependo nem do tamanho, nem do peso...depende da "densidade" do objecto!
Pequenos cientistas...grandes descobertas!

4 comentários:

Juca disse...

Estes cientistas são pequenos mas muito empenhados... e que belas descobertas que fizeram!

Já agora, não querem experimentar fazer o teste da flutação da maça e da batata? Se cortarem em pedacinhos e colocarem na água, verão o que acontece... mesmo que depois se baralhem, dá para diferenciar qual é uma e qual é a outra pelo seu comportamento na flutuação.

Continuação de boas experiências e aprendizagens!

Bjs Juca e Sala Fixe

Maria da Luz Borges disse...

Que belo trabalho, parabéns!
E obrigado pela história. Gostámos muito!
Luz e meninos de Valejas

Jardim de Monserrate disse...

É sempre divertido brincar com a água e quando associamos um desafio ainda fica melhor.
Nós já fizemos essa actividade e ficamos um pouco intrigados porque havia objecto grande que flutuava e pequenos que afundavam!
Fomos descobrir mais e percebemos porquê
Parabéns pelo vosso trabalho
Meninos da sala 3 de Monserrate

Lenita disse...

Juca, andas um pouco distraída, pois essa foi a ultima experiência que fizemos sobre a flutuação e acho que aquela em que melhor perceberam que a flutuação dos objectos não está relacionada com o tamanho ou com o peso.
Bjs